Cariño

c9429abf46cc44d9fc1b3e2e108f7cf1

E você sabe o quanto é perigoso contar com a minha sagacidade para que eu entenda as coisas. A paranóia anda de mãos dadas com a racionalidade, meu bem, não dá pra confiar assim cegamente que eu vou entender o que você espera que eu entenda. Clarezas sempre são mais seguras. E eu até que gosto desse seu hálito de tabaco sabor cereja, mas gosto mais ainda do seu jeito paciente e cuidadoso ao pedir para invadir os meus limites. Gosto sim. Gosto da despretensão da nossa conversa, desse sorriso de verão, do batom cor de gérbera, do perfume quase doce, floral talvez, que fica impregnado em minhas mãos quando te puxo pela nuca. Gosto da sua nuca. Gosto do seu gosto. E gosto da destreza, do seu jeito rápido de me conhecer e concluir os meus pensamentos mais secretos. E você sabe bem o que acontece quando eu me fascino assim, né? Desculpa, mas só penso em te comer.

Anúncios
Padrão

4 comentários sobre “Cariño

  1. Cariño,

    achei essencial esse argumento inicial. seria tão melhor se nós conseguíssemos a clareza para as nossas relações. ficaria tudo mais fácil e tudo doeria menos. e eu realmente não entendo esse mistério, essa sagacidade toda. acho que nós sofremos do complexo de inveja por capitu: geral querendo ser oblíquo, mas não consegue a façanha do diagonal.

    o texto tá lindo, tá bonito e tá aconchegante. e o fato de querer comê-la, que coisa mais linda. amor, paixão, qualquer desses sentimentos piegas, só valem a pena se a gente os viver com fome. fome de viver e de comer. lindo texto, tu é grandioso.

    um beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s