Concepção

Sou muito de querer. Tenho vários, colecionáveis, irreprimíveis, maiores que eu, independentes, autônomos. E por tantos quereres, tive certa vez receio de me encantar com qualquer posse e vislumbrar num único poder o fim de todo o meu querer. Mas meus quereres, teimosos que são, recusaram tantos poder que tive medo de afrontar a Deus num afastamento recusante desses

Como não se vive só de abdicação, havia também quereres menos ambiciosos, todos felizes em satisfação, chamavam-se de ter. Talvez por serem menores, talvez tolos, sobressaíam-se mais, viviam menos, efêmeros. Apesar de diminutos, estes que sustentavam meu passo, benditos são os quereres pequenos!

Num dia mais ou menos, não por ser obediente, mas já por hábito, eu seguia a receita de estar distraído e não esperar absolutamente nada, me veio um querer ancião, por isso já um pouco desprezado e ridicularizado, dizendo que tinha vigor e força,  e me tomou então. E aconteceu o que eu já nem previa, cercaram-me de vida e realização.

Na novidade eu não encontro controle, as veias saltitam enquanto o corpo treme, eu vivo o agora já relembrando o instante anterior, planejando futuros próximos, embriagado de presente. Desprendeu-se o tempo e eu jurei saudade em silêncio antes mesmo da primeira partida. No imediato instante eu não soube mais nada e desde então eu desaprendi que nome tem as coisas.

Anúncios
Padrão

4 comentários sobre “Concepção

  1. Diana disse:

    Isso lembra um pouco de mim mesma, dos meus sumiços, do meu jeito de me fazer distante aos poucos, como se eu tivesse que provar que posso viver sem meus desejos, que eles são detalhes. Mera tolice.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s