Oração

Tenho me apegado muito a minha fé. É uma fé bem simples e sem religião, é matemática essa minha fé nas probabilidades. Tenho gastado as frustrações, pois então, o que me restará? Se Deus quiser há de vir um verão em temperatura amena, flores simples nascendo nas rachaduras do cimento das calçadas, amores simples revelando bonitezas em tardes de domingo, vidas simples enchendo as praças onde se abrem sorrisos também simples. E então eu vou me desaprender inteiro, se Deus quiser! Não há mais de me servir tudo que sei sobre desapego, indiferença, despretensão, malícia e compreensão demasiada. Então serei eu: leve e fluido, anacrônico em meus lirismos, imerso nas minhas simplicidades. Plural no meu ser.

Anúncios
Padrão

6 comentários sobre “Oração

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s