O pecado e a saudade

Em mim o perfume que não é o meu. Em ti o suor que não é seu. Meus olhos têm saudades instantâneas quando não encontram os teus. Meus poros que se dilatam ao seu vapor clamam por sua língua varrendo meus sais e sentem ainda a urgência do teu beijo quente.

——————————————

Por 2009 é isso, ano que vem tem mais! Muita paz, saúde, felicidades absurdas e amores inesquecíveis pra todos. Que 2010 seja um ano de desenvolvimento moral, intelectual, econômico e espiritual pra todos nós. Obrigado pelas visitas, pelos comentários, pelo carinho que demonstram nos comentário, são coisas assim que me motiva a expor aqui um pouco de mim. Espero que em 2010 eu seja menos relapso com o blog, afinal de contas, não terei (assim espero) tantas preocupações e ocupação de tempo como tive esse ano com a monografia, projeto de pesquisa, congressos, artigos, coisas cotidianas etc e tal. Ah, ano que vem, se tudo der certo e a animação continuar, pretendo levar a frente mais um ou dois blogs, com temas diversos e em parceria… Retorno na segunda metade de janeiro, e por hoje é isso. Beijos e abraços a todos, ótima virada! (ui!)

Anúncios
Padrão

5 comentários sobre “O pecado e a saudade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s